domingo, 18 de agosto de 2013

Jornais de minha cidade





Escrevo este blog para o mundo. Sem exagero. O motivo parece óbvio, já que as estatísticas da empresa Blogger fala em muitos acessos por semana, sendo mais de 95% de fora de minha querida cidade, Niterói.

Um dia desses uma leitora me abordou na rua, perguntando por que eu não estava mais escrevendo nos jornais locais. Niterói é uma cidade que, desde sempre, abriga dezenas de jornais semanais. Dezenas. E desde meados dos anos 70 eu sempre escrevi em algum deles, parando tempos depois, não sei por qual motivo. O último foi o LIG, que editei com o apoio do amigo Edgard 
Fonseca, hoje dono do ótimo semanário DIZ JORNAL.

A leitora disse que lê este blog com frequência, mas disse sentir saudade de meus textos locais, voltados para a intimidade, hábitos, tiques, enfim, cotidiano de Niterói. Respondi que também sinto saudade desses tempos e que está nos meus planos voltar a ter uma coluna semanal por aqui.


Afinal, Niterói é a cidade que escolhi para viver. Falar com ela, pelo menos uma vez por semana, é crucial para mim.