sexta-feira, 26 de dezembro de 2014

Sugestões de livros, CDs e DVDs



Depois do Natal os preços desabam. Muitas promoções de livros, CDs e DVDs. Uma ótima época para navegar em busca de bons produtos.
Os CDs, DVDs e livros sugeridos aqui foram selecionados em lojas na internet. 

Para acessar a loja é só dar um Bing, um Yahoo ou um Google.
Sites pesquisados: Amazon Brasil; Amazon EUA; Livraria da Travessa; Livraria Cultura; Livraria da Folha; Livraria Saraiva; Submarino; Lojas Americanas; Ronca Ronca; Rolling Stone Brasil.                   


Livro: “Robert Plant – uma vida”, biografia da voz do Led Zeppelin

Um dos livros mais cultuados neste 2014, “Robert Plant - uma vida” é também a história do homem apaixonado por viagens, futebol, literatura e pelas mulheres. Centenas (literalmente) de mulheres.

É o que contam seus amigos e colaboradores - inclusive aqueles que não o veem como ser divino, muito pelo contrário... Reservado quanto à vida pessoal e à tragédia que o abalou para sempre, a morte do filho Karac, morto em 1977 aos 5 anos, atacado por uma bactéria desconhecida.

Plant nunca autorizou uma biografia sua nem do Led Zeppelin, o que inclui esta. Mesmo assim, o jornalista Paul Rees consegue um panorama histórico que elucida os enigmas que cercam a voz do Led Zeppelin e autor da maioria das letras de músicas que compôs com Jimmy Page.

Editora Leya, 320 páginas.
                                                    

                 Livro: “Fernando Pessoa, o cavaleiro de nada”

Sensacional!  Em seu primeiro romance, Elisa Lucinda mistura sua voz à de Fernando Pessoa, tecendo uma narrativa que une escritos do poeta às suas palavras de leitora e, assim, recriar a biografia daquele que registrou seus pensamentos, desassossegos, amores, humores e opiniões em versos, diários, cartas, ensaios e fragmentos.

Da leitura das palavras de Pessoa, Lucinda extraiu os principais eventos de sua vida, desde a criação de seu primeiro poema até a sua morte, passando por suas relações familiares, sua visão de Portugal, suas viagens pela África, seu movimento como poeta da vanguarda portuguesa e o surgimento seus principais heterônimos - entre eles Álvaro de Campos, Alberto Caeiro, Bernardo Soares e o primeiro de todos, o Cavaleiro de Nada.

É de forma lírica, sem prescindir do tom sarcástico de Pessoa, que a escritora brasileira guia tanto o leitor iniciado quanto aquele que busca conhecer suas palavras pela vida e pela obra de Pessoa. 'Fernando Pessoa, o Cavaleiro de Nada' traz um projeto gráfico único e ilustrado, que reúne uma seleção de fotos capaz de traduzir em imagens os versos do poeta.

Editora Record, 416 páginas.
                                                      

             Livro: “O Chefe”, momentos da vida pública de Lula
                                                   


Ivo Patarra ficou meses pesquisando e o resultado final foi um livro contundente que traz o seguinte:

Sumário - Capítulo 1 - O governo Lula é o mais corrupto da história; Capítulo 2 - Montanhas de dinheiro - em pacotes, malas carros - fortes e até em cuecas; Capítulo 3 - Lula, o chefe; Capítulo 4 - A história do 'acordo criminoso' da chapa Lula/José de Alencar em 2002;

Capítulo 5 - O escândalo do dossiê - flagrante de R$1,7 milhões em dinheiro vivo; Capítulo 6 - Os 403 dias que marcaram o escândalo do mensalão; Capítulo 7 - Na denúncia do procurador - geral da República o mensalão foi ação de organização criminosa; Capítulo 8 - O assassinato do Prefeito Celso Daniel, coordenador da eleição de Lula em 2002; Capítulo 9 - Promotores pediram a prisão de Antonio Palocci, acusado de envolvimento com a 'máfia do lixo';

Capítulo 10 - Oito Ministros do governo Lula; Capítulo 11 - O presidente do Senado, aliado de Lula; Capítulo 12 - Sob a conveniência da 'segurança nacional', Lula não revelou gastos com cartão corporativo; Capítulo 13 - Em 5 anos, Lula repassou R$12,6 bilhões para ONGs; Capítulo 14 - Traquinagens da família Lula da Silva;

Capítulo 15 - Duas tragédias, apagão aéreo e corrupção na Infraero; Capítulo 16 - STF abriu processos contra 40 mensaleiros; Capítulo 17 - Dois anos depois, Polícia desmantelou outra organização criminosa nos Correios; Capítulo 18 - TCU recomendou paralisar obras irregulares; Petrobras foi campeã em aumento de custos; Capítulo 19 - Apesar do desgaste, Lula defendeu José Sarney e retribuiu apoio recebido no caso do mensalão;

Capítulo 20 - Lula - 'Sarney tem história para que não seja tratado como pessoa comum'; Capítulo 21 - No caso do mensalão, PT temeu o impeachment.
Editora – nenhuma editora quis produzir; 458 páginas.
                                                 

              Livro: “Cartas Extraordinárias”, de Shaun Usher

Do comovente bilhete suicida de Virginia Woolf à receita que a rainha Elizabeth II enviou ao presidente americano Eisenhower; do pedido especial que Fidel Castro, aos catorze anos, faz a Franklin D. Roosevelt, à carta em que Gandhi suplica a Hitler que tenha calma; e da bela carta em que Iggy Pop dá conselhos a uma fã atormentada ao genial pedido de emprego de Leonardo da Vinci.
“'Cartas extraordinárias” é uma celebração do poder da correspondência escrita, que captura o humor, a seriedade e o brilhantismo que fazem parte da vida de todos nós. Esta coletânea de mais de 125 cartas oferece um olhar inédito sobre os eventos e as pessoas notáveis da nossa história.

O livro reproduz a maior parte dos fac-símiles das missivas, com sua transcrição e uma breve contextualização, além de ser ricamente ilustrado com fotografias e documentos. A engenhosa organização de Shaun Usher cria uma experiência de leitura que proporciona muitas descobertas, e cada nova página traz uma bela surpresa para o leitor.

Editora – Companhia das Letras, 368 páginas.
                                                     

                   Livro: Poncio Pilatos, canalha ou burocrata?

Quem foi Pôncio Pilatos, o prefeito da Judeia diante do qual se dá o processo de Jesus que se conclui com a crucificação? Um tirano cruel e implacável ou um funcionário temeroso e hesitante, que se deixa convencer pelo sinédrio a condenar um homem que ele acredita ser inocente?

Uma máscara irônica e desencantada que pronuncia frases memoráveis (“O que é a verdade?”, “Ecce Homo!”, “O que escrevi, escrevi”), ou uma severa figura teológica sem a qual o drama da paixão não poderia se cumprir? Recolocando em cena o processo em todas as suas fases, o autor Giorgio Agamben propõe uma leitura inédita e pontual. No diálogo entre Pilatos e Jesus, dois mundos e dois reinos estão frente a frente: a história e a eternidade, o sagrado e o profano, o juízo e a salvação. O resultado foi o livro “Pilatos e Jesus”.

Editora - Boitempo Editorial e Editora da UFSC, 80 páginas.
                                                       

CD: Pink Floyd – todos os 14 álbuns remasterizados (Coleção Discovery)
                                                    


Desde 1967, o Pink Floyd produziu um dos catálogos mais extraordinários da história da música. A Coleção Discovery lança novamente todos os 14 álbuns de estúdio originais, cuidadosamente remasterizados digitalmente por James Guthrie (co-produtor de The Wall), com nova arte nas capas e livretos, criados pelo colaborador artístico de longa data da banda, Storm Thorgerson.

Gravadora EMI.                              

                                    CD: Beck - Morning Phase    
                                                          
       
Morning Phase é o décimo segundo álbum de estúdio do artista americano de rock alternativo Beck. O álbum rendeu comparações com seu antecessor de 2002, Sea Change, pela notável presença de cordas, bateria limpa e muitas vezes arrastada, elementos minimalistas e a melancolia.

As duas principais diferenças são a maior riqueza nos arranjos: Em Morning Phase os violões são ainda mais explorados, trabalhando juntos porém seguindo caminhos distintos; fundindo-se ao banjo, piano, teclados atmosféricos, orquestrações, e se unindo aos coros do cantor.


O otimismo é o fator principal na diferenciação das obras. Mesmo contendo passagens como "Eu estou tão cansado de estar sozinho" e "Estas são as palavras que usamos para dizer adeus", o disco mostra muito vigor.

É possível notar influências de Pink Floyd e Nick Drake em meio aos saudáveis delírios do músico, que se afirma como um dos mais importantes no mundo.


Gravadora EMI.                                      
                                                    

                  CD: Frank Zappa - We're Only In It For The Money
                                                        


Frank Vincent Zappa (1940-1993) foi um compositor, guitarrista, produtor de gravação e diretor de cinema. Em uma carreira de mais de trinta anos, a sua obra musical estendeu-se pelo rock, fusion, jazz, música eletrônica, música concreta e música clássica.

Zappa produziu quase todos os seus 60 álbuns que lançou com a banda Mothers of Invention, grupo que o acompanhou por boa parte da carreira e teve sua formação mudada muitas vezes, e como artista solo.

"We're Only in It for the Money" é o terceiro álbum de estúdio do The Mothers of Invention, revolucionária banda de Zappa. A sonoridade do disco reúne elementos bem diversos, como doo-wop da década de 1950, surf music da década de 1960 e experimentos sonoros orquestrais vanguardistas. O álbum é uma paródia da cultura hippie e uma sátira a natureza superficial da vida nos Estados Unidos.

Gravadora Universal Music.                                                

                                  
                                        CD: Best of Maria Callas
                                                           

O CD é de uma série de música clássica, e apresenta obras marcantes de grandes compositores, o melhor da carreira de artistas renomados e músicas perfeitamente selecionadas para todos os momentos.

A série já tem 140 títulos lançados, dos quais 10 foram pinçados dentre os mais significativos e interessantes para o mercado brasileiro.

Maria Callas foi cantora lírica mais aclamada do mundo. Sua voz inconfundível e temperamento apaixonante, sua infeliz vida amorosa e a trágica circunstância de sua morte, tudo isso teceu a lenda em torno dessa soprano, cuja grande arte permanece.

Gravadora EMI.
                                                  

                                 CD: Shel (importado)
                                                 


As irmãs norte-americanas Sarah, Hannah, Eva, e Liza tem vinte e poucos anos e foram criadas e educadas por uma mãe artista e pai escritor. Formaram uma banda de família, estilo folk, com o pai Andrew Holbrook antes de montarem a espetacular banda Shel, em 2005.

Um amigo da família fez contato com o produtor vencedor do Grammy Brent Maher, da Moraine Music Group, o que levou a gravação de vários EPs. O primeiro CD saiu recentemente e traz o nome da banda, cujos covers acústicos do Led Zeppelin arrancaram elogios até de Jimmy Page.

Gravadora – Moraine Records.
                                                    

                                  DVD: Autoramas – Internacional
                                                         


A banda carioca Autoramas é a brasileira mais consagrada no exterior, em especial Europa e Estados Unidos.

Autoramas registrou uma de suas muitas turnês por 15 países. Imagens de shows, camarins, estradas, lojas de discos, estúdios de gravação, rádios da Inglaterra, Espanha, França, Portugal, Suíça, Argentina, Holanda, Chile, Itália, Bélgica, Peru, Uruguai, Áustria, Alemanha e também no Brasil!

Com direção de Pedro Serra, o DVD Autoramas Internacional traz um apanhado de grandes momentos da banda. Destaque: o show no palco Sunset, na última edição do Rock in Rio. Os Autoramas são um orgulho do rock brasileiro.

Gravadora – Coqueiro Verde.                                                    

                               
                        DVD:  A Technicolor Dream – Vários
                                                      

Technicolor Dream é a história do movimento underground ocorrido nos anos 1960 cujo ápice foi o "The 14 Hour Technicolor Dream", um "acontecimento musical" no Alexandra Palace em 29 de abril de 1967.

A história inicia nas marchas do CND (Campanha para o Desarmamento Nuclear) no início dos anos 60, a fundação da London Free School e a partir daí, o excelente jornal marginal International Times, o UFO Club e o Nothing Hill Carnival.

Entrevistas inéditas com Roger Water e Nick Mason, do Pink Floyd, John "Hoppy Hopkins", Joe Boyd, Kevin Ayers, Barry Miles, Phil May do Pretty Things, e muito mais.

O DVD passa dentro de um contexto musical, aliado a música do Pink Floyd na época de Syd Barret e também do Pretty Things.
Gravadora – ST2.             
                                

                 DVD: Philip Glass - Looking Glass (Importado)

Este documentário capta a energia de dos maiores compositores atuais, Philip Glass. Registra sua viagem de Nova York para Londres e de Paris para Boston.
Ele fala sobre as suas origens, a sua mudança para Paris por dois anos para estudo intensivo com Nadia Boulanger, seu encontro com o músico indiano Ravi Shankar e diretor Robert Wilson, que teve uma profunda influência em sua carreira.

O DVD mostra ele no trabalho, dando os últimos detalhes de sua ópera “O som de uma voz”, dirigida por Robert Woodruff e conduzida por Alan Johnson.
O diretor do filme, Eric Darmon, ousa com enquadramentos originais e nos leva para uma viagem musical de sete meses na vida do compositor que, saído da cena underground da década de setenta, fez uma revolução na cultura contemporânea.

Gravadora – Juxtapositions.