terça-feira, 26 de julho de 2016

Lizzie Bravo: a incrível história da garota carioca que gravou com os Beatles

 
                                                                               
1967. A carioca Lizzie Bravo fez 15 anos e pediu uma viagem a Londres de presente aos pais. Passagem na mão, ela e uma amiga embarcaram não para um giro turístico pela capital da Inglaterra e sim para “morarem” em frente a sede da gravadora EMI, onde ficam os lendários estúdios Abbey Road, onde os Beatles gravavam o álbum Sgt. Pepper’s. Mais: no dia em que Lizzie chegou, de cara, ela viu os quatro músicos.

A viagem seria de um mês, mas ao contrário da amiga, Lizzie decidiu ficar, até 1969. Um certo dia, ela estava com amiga inglesa lá fora quando Paul McCartney abriu a porta e perguntou “vocês conseguem sustentar uma nota aguda?”. Lizzie já era cantora, disse que sim e as duas acabaram passando duas horas gravando com os quatro Beatles os backing vocals de uma versão de “Across The Universe” que não é a que está no álbum Let it Be. Saiu depois, em duas coletâneas. Um take da versão está no link lá embaixo.

A poucos centímetros de John Lennon e Paul McCartney, com quem dividiu microfones, a adolescente Lizzie percebeu que os cabelos dos dois mexiam com o ar que saia de sua boca. Não consigo imaginar a emoção. Será que alguém aí consegue?

De volta ao Brasil, em 1969, Lizzie guardou o minucioso diário que escreveu e as 210 fotos exclusivíssimas que fez. Seu plano era lançar um livro, o que aconteceu ano passado. O livro se chama “Do Rio a Abbey Road” e está a venda no site http://www.lizziebravo.com/www.lizziebravo.com .  

Lerei o livro em breve, mas um amigo, super exigente, elogiou. Afinal, é a narrativa original de uma garota de 15 anos, fã dos Beatles, que acompanhou o dia a dia da maior banda de rock de todos os tempos. Por exemplo, Paul McCartney chegando a pé para gravar, ou a bordo de seu lendário Mini Cooper, ou da Ferrari preta e de outros bólidos (sabemos que ele é apaixonado por carros), John Lennon e o Rolls Royce psicodélico, o ambiente, a cidade, os produtores, enfim, Lizzie viu (e fotografou!) quase tudo, de manhã, de tarde, de noite de madrugada em frente ao Abbey Road.

Um livro fundamental para quem gosta de Beatles e de música.



Abaixo, o rascunho da gravação de “Across The Universe”, com Lizzie e a amiga nos backings . Oitavo take. Elas cantam nos refrões “Nothing's gonna change my worlde suas vozes estão nítidas no canal direito.