sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Livros da Semana 24

Livrarias pesquisadas:

Travessa – www.travessa.com.br
Blooks Niterói - www.blooks.com.br
Estante Virtual - www.estantevirtual.com.br
Amazon – www.amazon.com.br
Saraiva - www.saraiva.com.br

O super esperado livro de fotos de Maurício Valladares, "Preto e Branco", vai aterrissar na Argumento nesta-segunda-feira. Noite de autógrafos a partir das 19 horas. São 208 páginas, 142 fotografias, formato 29 X 24, capa dura. Preço: R$ 60,00. Editora Automática - http://www.automatica.art.br/editora/
Todos os detalhes sobre o livro nesta matéria do Silvio Essinger, no Globo de domingo: http://oglobo.globo.com/cultura/livros/mauricio-valladares-lanca-livro-com-fotos-de-tres-decadas-de-carreira-20460833

Aqui, o texto de apresentação do organizador Raul Mourão:



David Bowie

História, Discografia, Fotos e Documentos

Mike Evans
64 páginas

Na caixa David Bowie, composta por livro e 20 itens de memorabilia, fãs e colecionadores vão encontrar farto material para recordar a vida e a carreira de um dos maiores nomes da arte e cultura dos séculos 20 e 21.

No livro, são narradas as quatro décadas de carreira de Bowie, suas mutações paradigmas, símbolos e arquétipos. Todos os álbuns, de David Bowie 1967) a Blackstar (2016), são comentados pelo respeitado jornalista, escritor é biógrafo norte americano Mike Evans, que mostra a importância crucial da obra de Bowie em todos os cenários. Mais: ficha técnica, com data de gravação e de lançamento, produtores, gravadora, faixas, músicos que participaram e posições nas paradas de sucesso norte-americana e britânica.

Entre os itens encartados, estão pôsteres, fac-símiles de ingressos de shows e contratos, fotos avulsas e folhetos de divulgação. O leitor vai mergulhar pela trajetória do cantor, com sua discografia, filmografia, a parceria criativa bem-sucedida com artistas como Iggy Pop e Nile Rodgers, as turnês arrebatadoras e o impactante fim com o lançamento de Blackstar, dias antes de sua morte.

A Guerra Do Paraguai

Como O " Rei Dos Macacos", O Marechal Que Queria Ser Napoleão, Um Jornalista Soldado E Um Presidente Degolador Deflagaram O Maior Conflito Da América Do Sul

Luiz Octavio de Lima
448 páginas
Maior confronto armado da história da América do Sul, a Guerra do Paraguai é uma página desbotada na memória do povo brasileiro. Passados quase 150 anos das últimas batalhas deste conflito sangrento que envolveu Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai, o tema se apequenou nos livros didáticos e se restringiu às discussões acadêmicas.
Neste livro, fruto de pesquisas históricas rigorosas, mas escrito com o ritmo de uma grande reportagem, o leitor poderá se transportar para o palco dos acontecimentos e acompanhar de perto a grande e trágica aventura que deixou marcas profundas no continente sul-americano.
Na narrativa repleta de lances surpreendentes, desfilam não apenas os governantes e líderes militares dos países diretamente envolvidos no conflito, que em momentos alternados viveram papéis de heróis e vilões, como ganham luzes as ações e os dramas de figuras menos conhecidas, mas igualmente fascinantes: a ardilosa amante do líder paraguaio Solano López; religiosos implacáveis; combatentes submetidos a dores e privações; mulheres e crianças testadas no limite da bravura; e escravos que viram na guerra o caminho para a liberdade.
O livro também se ocupa de discutir (e algumas vezes desfazer) os mitos criados ao sabor dos ventos ideológicos que sopraram sobre o continente em diferentes períodos desde então.

O Último Dia De Hitler

Minuto A Minuto

Jonathan Mayo, Emma Craigie
272 páginas

30 de abril de 1945, a Alemanha está imersa em caos. As tropas russas marcham por Berlim. Em todo o país, as pessoas estão em polvorosa – sobreviventes de campos de concentração, prisioneiros das tropas aliadas, nazistas fugitivos –, e a população civil está ficando sem comida numa rapidez desoladora.

O pústula que orquestrou esse pesadelo está em seu bunker no subsolo da capital alemã, ocupando-se de suas despedidas. Esta é a história fascinante das horas finais de Hitler, contadas pelo prisma daqueles que estavam com ele na fortificação, dos que lutaram nas ruas da Alemanha e daqueles que transitavam pelos corredores do poder em Washington, Londres e Moscou. 30 de abril de 1945 foi um dia com o qual milhões de pessoas sonharam, e pelo qual milhões de pessoas morreram.

Os 7 Minutos

Irving Wallace

854 páginas

Com uma trama que mistura o jogo de argumentos nos tribunais, ambição política, censura e uma boa dose de erotismo, este clássico da literatura norte-americana se tornou um grande sucesso de vendas no Brasil, na década de 1970.

A obra conta a história de um homem que é preso depois de publicar em livro - que posteriormente é banido pela justiça da Califórnia - as aventuras sexuais de uma mulher. O ato de censura ganha as manchetes de todos os jornais e o julgamento acaba envolvendo membros do Vaticano, produtores de filmes eróticos, entre outros personagens.

O autor escreveu seus primeiros textos em jornais e revistas quando ainda tinha 15 anos e, na década de 1950, trabalhou também com a produção de roteiros para o cinema. Seus maiores feitos, no entanto, foram os seus livros, carregados de realidade e referências sexuais.

"Os 7 Minutos", além de vender milhares de exemplares em todo o mundo, foi adaptado para o cinema em 1971, com o ator Tom Selleck no papel de Phil Sanford.